X Fechar  
RBR rasga elogios a Vettel: 'Uma de suas melhores atuações. Fenomenal'

• 05/11/2012 - Alemão larga dos boxes, escala pelotão e cruza em 3º no GP de Abu Dhabi

Por GLOBOESPORTE.COMAbu Dhabi, Emirados Árabes

 

“Te vejo no pódio”. Esta foi a frase dita por Sebastian Vettel ao chefe da RBR, Christian Horner pouco antes do início do GP de Abu Dhabi. Não deu outra. Mesmo largando dos boxes em razão da desclassificação no treino de sábado, o obstinado alemão cruzou a linha de chegada em terceiro. Mais jovem bicampeão mundial, o piloto de 25 anos já coleciona corridas marcantes em sua ainda curta, mas já vitoriosa história na Fórmula 1. E a exibição no circuito de Yas Marina certamente está entre as principais, garante o comandante da equipe.

- Acho que foi uma das melhores corridas de sua carreira. Ele realmente entrou para isso e foi do pitlane ao pódio. Foi fenomenal. No sábado, quando optamos por largar dos pits para fazer mudanças no carro, eu pensei que, como era difícil de ultrapassar aqui, se pudéssemos nos infiltrar no top 10, seria em oitavo ou nono. Mas encontrei Seb na pista e ele disse “te vejo no pódio”. Ele estava absolutamente convencido de que poderia conseguir um ótimo resultado – revelou Horner.

Sebastian Vettel conseguiu um improvável pódio no GP de Abu Dhabi (Foto: Getty Images)

Mas não foi nada fácil para Vettel conseguir tal façanha. Ele fez duas corridas de recuperação em uma para conseguir um improvável lugar no pódio. Partiu dos boxes, mas voltou a ele na nona volta quando já estava em 11º para trocar o bico danificado no início. Em seguida, começou do zero novamente e chegou até a estar em segundo na frente de Fernando Alonso, seu rival na briga pelo título, mas precisou trocar os pneus novamente em razão da parada precoce. Ao voltar para a pista, ainda conseguiu tomar o terceiro lugar de Jenson Button. Com um pit stop a mais que os rivais, contou também com a sorte de duas entradas de safety car que juntaram o pelotão em momentos estratégicos.

Horner conta que a equipe cogitou a possibilidade de Vettel seguir até o fim sem fazer a segunda parada, mas acharam mais prudente não mantê-lo na pista com pneus macios tão desgastados.

- Nós estávamos debatendo isso e ele nos desafiando. Mas aqueles pneus tinham que fazer mais de 40 voltas. Nós vimos com o primeiro jogo de compostos que o desgaste seria um problema e não queríamos chegar a esse ponto. Então, assim que ele ficou livre de Grosjean, fez sentido manda-lo para os boxes. Depois, sentimos que ele poderia caçar Alonso e Button.

Com a terceira colocação, Vettel alcança os 255 pontos, enquanto Alonso chega aos 245. Raikkonen, Hamilton e Webber não tem mais chances de título. Restam dois rounds na luta para ver quem será consagrado tricampeão mundial. Com dez pontos a mais, o alemão da RBR pode conquistar o título antecipado no GP dos Estados Unidos, programado para dia 18 de novembro. Já o espanhol da Ferrari tenta adiar a disputa para o GP do Brasil, que fecha a temporada uma semana depois.